Postagens

165 anos de Seminário em Cuiabá

Imagem
Neste 13 de abril a Arquidiocese de Cuiabá celebra o aniversário da primeira fundação do nosso seminário,  em 1853, por sua Majestade Imperial Dom Pedro II, sob patronato de Nossa Senhora da Conceição.
O seminário da Conceição, como foi chamado, formou nossos primeiros padres, lírios semeados e ceifados pelo Amor para adornar os altares da Igreja, rebanho de Cristo.         Refundado por Dom Orlando Chaves, reestruturado por Dom Bonifácio Piccinini, agora tendo como padroeiro Cristo Rei, nosso seminário é atualmente constituído por 3 padres e 30 seminaristas nas diversas etapas da formação. 
        Muitas vidas foram doadas nestes 165 anos, e ainda hoje jovens continuam a ouvir aquele chamado que ressoa no mais íntimo do coração: "... tu me amas? Apascenta as minhas ovelhas". Esses jovens se colocam diante de todas as crises e sinais de morte que se despontam em nossos dias, não vendo nelas um aproximar do fim, mas uma porta aberta para um começo.        Por isso, rezemos pe…

Conversão: Urgência de Amor

Imagem
Convida-vos Deus hoje a fazerdes o bem, fazei-o hoje; porque é possível que amanhã não tenhais tempo, ou que Deus não vos chame mais. Se por desgraça tendes empregado a vida passada em ofender a Deus, proponde-vos, a exemplo de Ezequias, fazer penitência desse abuso no resto da vossa vida: Repassarei na vossa presença todos os meus anos, na amargura da minha alma (Is 38,15). Prolonga-vos Deus a vida, para que repareis o tempo perdido. Quer o Apóstolo que reparemos o tempo, pensando nos dias maus: que aproveitam o tempo, pois os dias são maus. (Ef 5,16). Santo Anselmo explica assim: “Resgatareis a tempo, se fizerdes agora o que em outro tempo deixaste de fazer por negligência”. Apesar de S. Paulo ser o último dos apóstolos, tornou-se o primeiro, pelas grandes obras que operou, a partir da sua conversão. É o que S. Jerônimo nota. À falta de outros motivos para nos estimularmos, devíamos ao menos considerar que a cada momento podemos aumentar a nossa fortuna eterna. Se vos fosse outorgado c…

A vocação universal à santidade

Imagem
O amável São João Paulo II, quando em sua viagem a Croácia em 2003 disse:"Sois chamados à santidade em todas as fases da vossa vida:  na primavera da juventude, no pleno verão da idade madura e, depois, também no outono e no inverno da velhice e, enfim, na hora da morte e mesmo para além da morte, na derradeira purificação predisposta pelo Amor misericordioso de Deus".Na audiência geral do dia 19 de novembro de 2014, o Papa Francisco explicou que todo o batizado pode ser santo:
Prezados irmãos e irmãs, bom dia! Um grande dom do Concílio Vaticano II foi ter recuperado uma visão de Igreja fundada na comunhão e ter voltado a entender também o princípio da autoridade e da hierarquia em tal perspectiva. Isto ajudou-nos a compreender melhor que, enquanto batizados, todos os cristãos têm igual dignidade diante do Senhor e são irmanados pela mesma vocação, que é a santidade (cf. Const.Lumen gentium, 39-42). Agora, interroguemo-nos: em que consiste esta vocação universal a sermos santo…

1° de Agosto: Santo Afonso Maria de Ligório

Imagem
Nasceu em Nápoles em 1696; obteve o doutorado em Direito civil e eclesiástico, recebeu a ordenação sacerdotal e fundou a Congregação do Santíssimo Redentor. Com a finalidade de incrementar a vida cristã entre o povo, dedicou-se à pregação e escreveu vários livros, sobretudo de teologia moral, matéria na qual é considerado insigne mestre. Foi eleito bispo de Sant’Agata dei Goti, mas renunciou ao cargo pouco depois e morreu junto dos seus,em Nocera dei Pagani, na Campânia em 1787.






















Das Obras de Santo Afonso Maria de Ligório, bispo (Tract. De praxi amandi Iesum Christum, edit. latina, Romae 1909, pp.9-14) (Séc.XVII)
Sobre o amor a Jesus Cristo Toda santidade e perfeição consiste no amor a Jesus Cristo, nosso Deus, nosso sumo bem e nosso redentor. É a caridade que une e conserva todas as virtudes que tornam o homem perfeito...

12 - O Deus escondido, o soberano sacerdote

Imagem
20 Et erat quidam mendicus nomine Lazarus qui iacebat ad ianuam eius ulceribus plenus 21 cupiens saturari de micis quae cadebant de mensa divitis sed et canes veniebant et lingebant ulcera eius 22 factum est autem ut moreretur mendicus et portaretur ab angelis in sinum Abrahae (Lc 16, 20-22).

20 Havia também certo mendigo, chamado Lázaro, coberto de chagas, que jazia à porta daquele; 21 e desejava alimentar-se das migalhas que caíam da mesa do rico; e até os cães vinham lamber-lhe as úlceras. 22 Aconteceu morrer o mendigo e ser levado pelos anjos para o seio de Abraão (Lc 16, 20-22).






Leia Mais

7 - Visitas Eucarísticas: a fonte da vida, a árvore da vida

Imagem
Vere languores nostros ipse tulit et dolores nostros ipse portavit et nos putavimus eum quasi leprosum et percussum a Deo et humiliatum ipse autem vulneratus est propter iniquitates nostras adtritus est propter scelera nostra disciplina pacis nostrae super eum et livore eius sanati sumus (Is 53, 4-5). 
Certamente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus e oprimido. Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas chagas fomos sarados (Is 53, 4-5).
Primeiro Prelúdio. Foi o celeste médico quem tomou sobre si as nossas enfermidades, é o caçador de almas, é o capitão que quer conduzir-nos ao combate. Segundo Prelúdio. Senhor, curai-me, ganhai a minha vontade, guiai-me.
I - Quem vem? É o celeste médico que tomou sobre si as nossas enfermidades, para nos curar. – O profeta Isaías descreve longamente esta substituição (…