Na manhã do dia 19 de novembro, o Papa Bento XVI, referiu sábias palavras aos seminaristas na mesma ocasião de um encontro com os sacerdotes e leigos de São Gall em Ouidah. Confira.

Dirigindo-me agora a vós, queridos seminaristas, encorajo-vos a entrar na escola de Cristo, para adquirirdes as virtudes que vos ajudarão a viver o sacerdócio ministerial como o lugar da vossa santificação. Sem a lógica da santidade, o ministério não passa de uma simples ação social. A qualidade da vossa vida futura depende da qualidade da vossa relação pessoal com Deus em Jesus Cisto, dos vossos sacrifícios, da feliz integração das exigências da vossa formação atual. Diante dos desafios da existência humana, o sacerdote de hoje e de sempre – se quiser ser uma testemunha credível ao serviço da paz, da justiça e da reconciliação – deve ser um homem humilde e equilibrado, sábio e magnânimo. Com a minha experiência de 60 anos de vida sacerdotal, posso confiar-vos, queridos seminaristas, que nunca vos arrependereis dos tesouros intelectuais, espirituais e pastorais que tiverdes acumulado durante a vossa formação”.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

12 - O Deus escondido, o soberano sacerdote

Ato de Reparação ao Sagrado Coração de Jesus